quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Onde? Onde?

Ali não há medo de dizer "preciso de ti" ou "és importante". As palavras que à maior parte das pessoas ficam presas na intenção, são proferidas alegremente e as pessoas que as proferem não têm medo da rejeição, troça ou falhanço.
A frustração não tem lugar porque, ali, a alegria da tentativa frui sem medo.
O abraço não fica por dar e quem precisa dele sente de imediato o enrolar de uns braços.
O olhar carinhoso é sempre acompanhado por um "gosto de ti" independentemente do grau de intimidade. Ali mostra-se o que se sente quando se sente, quer pareça mal ou menos bem.
Ali, o medo e a vergonha são facilmente esmagados pelo afecto.
Quando souber onde fica o Ali, sou feliz.

3 comentários:

CP disse...

Gosto de pensar que o ali é aqui mesmo.

barbiedoll disse...

O ali é onde nós quisermos que ele seja. O desafio é não ter medo de viver no ali.

Ana rita disse...

Depois diz me a mim onde fica. Tbm quero ir para lá. =)